Inovação e criatividade em sistemas computacionais

Engenheiro especialista em sistemas Web e Android, CSM

O crowdfunding é um tipo de financiamento baseado no cooperativismo, onde um projeto é financiado por muitas pessoas que contribuem individualmente com uma pequena quantidade de dinheiro, mas que no total conseguem levantar fundos suficientes para viabilizar grandes projetos. Exemplos recentes no Brasil contam com a viabilização de álbuns musicais, filmes, revistas, eventos culturais, documentários e muitos outros. Além do crowdfunding poder transformar boas idéias em realidade, ele pode servir como importante ferramenta para aperfeiçoamento de seu projeto.

O brasileiro pode achar que desconhece o crowdfunding, mas na verdade ele participa de crowdfunding todo ano quando ele vai ao Mc Donald's no Mc Dia Feliz e compra seu Big Mac, ou quando ele telefona no Criança Esperança para fazer a sua doação. Essas campanhas são utilizadas para arrecadar uma quantidade pequena de muitas pessoas e viabilizar um projeto, ou seja, é um tipo de crowdfunding que já está enraizado em nossa cultura e funciona! Mas eles são organizados por empresas gigantes, com um alcance incrível, e o sucesso do crowdfunding é fortemente relacionado ao seu alcance.

Pegue meu dinheiro! O projeto deve apelar ferozmente aos investidores, que devem ter vontade de contribuir

Existem algumas plataformas de crowdfunding no Brasil, e a mais utilizada é também a primeira lançada no nosso mercado, o catarse.me. Para lançar um projeto para crowdfunding, o primeiro passo é ter, de fato, um projeto bem definido. O projeto deve ter começo, meio e fim e devem ser levados em conta todos os custos, todos os esforços, pessoas envolvidas, fontes de lucro para o sustento do projeto (se for o caso) e meios para a divulgação do projeto.

Após ter todos os dados do projeto, deve ser feito um estudo de viabilidade. Será que as pessoas vão apoiar o projeto? Um projeto de crowdfunding deve ter um apelo forte junto à sua audiência. Deve ser um projeto que faça com que a pessoa se sinta obrigada a contribuir. Isso pode se dar por alguns motivos, entre eles estão:

Sua avó pode contribuir A família pode ser uma fonte importante de contribuições para o seu projeto

Uma característica interessante do crowdfunding é que, nele, o investimento funciona como um jogo. Ao cadastrar o projeto para ser financiado, deve ser estabelecida uma meta de arrecadação e um tempo de arrecadação. Caso o tempo se esgote e a meta inicial não tenha sido alcançada, o financiamento fracassa e o dinheiro é devolvido aos investidores. Por isso, é muito importante que a meta inicial seja bem planejada e justificada aos potenciais investidores.

No caso de sucesso, com a meta alcançada ou superada no final do prazo, o dinheiro é viabilizado ao empreendedor e o projeto é colocado em prática. É nesse momento que as recompensas oferecidas aos investidores devem ser entregues.

No caso de fracasso, o dinheiro não será entregue ao empreendedor, mas essa experiência mesmo assim pode acrescentar ao projeto. Pode ser que o projeto não tinha apelo suficiente ao consumidor, ou que sua rede de contatos não é grande o suficiente, ou ainda que o projeto está muito ambicioso. Estes defeitos acabariam fazendo o projeto fracassar depois de pronto, então um fracasso rápido e com poucos efeitos colaterais é muito melhor do que arcar com prejuízos monetários além do tempo e energia gastos.

Nas palavras de DJ Patil, um engenheiro de dados que trabalhou no LinkedIn, em entrevista ao wired.co.uk, em tradução livre:

O mais importante é como você falha. A melhor maneira é falhar rápido. O LinkedIn não foi a primeira rede social em um espaço muito competitivo e nós não sabíamos nem para onde estávamos indo. Foi uma luta extremamente dura. O que nos permitiu suceder foi o nosso mantra de falhar rápido para conseguir sobreviver. Nós construíamos produtos rapidamente, testávamos, muitos deles falhavam, e então nós aprendíamos o que deu errado e tentávamos novamente.

O que você acha? O crowdfunding se desenvolverá no Brasil como está se desenvolvendo nos EUA? Você já idealizou um projeto e não teve recursos para concretizá-lo? Você investiria em um projeto de crowdfunding? Entre em contato e conte sua história, dê a sua opinião e sugira um próximo assunto!

Desenvolvido por Vítor de Almeida, otimizado para os navegadores Chrome e Firefox
Página construida usando HTML5 e CSS3